Conselho Regional de Psicologia encaminha à Presidência do Tribunal de Justiça manifestação de apoio às reivindicações dos servidores do Primeiro grau de jurisdição

Nesta tarde, a ANJUD recebeu cópia do ofício encaminhado ao Exmo. Presidente do Tribunal de Justiça pelo Conselho Regional de Psicologia.

Acesse na íntegra o seu conteúdo aqui.

Compartilhar:

1 Comentário

  • Daniela 24 de maio de 2014 14:29

    Ótima iniciativa e extremamente necessária, pois o nosso Conselho de Classe precisa realmente estar presente!!! O CRP-Pr não tem a função de lutar por questões salariais em si dos psicólogos, mas tem por obrigação orientar e lutar para que o psicólogo tenha condições dignas de trabalho e possa seguir as resoluções e os preceitos da nossa profissão!! Como realizar avaliações psicológicas e perícias judiciais sem instrumentos psicológicos, sem testes e inventários? Sem salas de atendimento que garantam o sigilo e a ética profissional? Sem tempo hábil para esta avaliação ser realizada com todos os procedimentos necessários, cumprindo prazos exímios, sem possibilidade de diálogo? É necessário que o Judiciário entenda e repense o papel das equipes multidisciplinares que buscam auxiliar as demandas psicossociais que chegam ao Judiciário!! Estamos aqui para colaborar, auxiliar e contribuir com nossos conhecimentos específicos, mas não somos profissões subordinadas ao Direito!

13 − 11 =