Nova Cúpula Diretiva é eleita no TJPR

Os Desembargadores que compõem o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) se reuniram na tarde de ontem (12/11) para eleger novos membros da cúpula diretiva do Poder Judiciário Paranaense para o biênio 2019-2020.
Além do novo Presidente, Desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira, o Tribunal Pleno também elegeu os ocupantes dos cargos de 1º Vice-Presidente, Corregedor-Geral da Justiça, 2º Vice-Presidente e Corregedor. Houve ainda votação para a Ouvidoria e para o Conselho da Magistratura.
Confira todos os eleitos:
Presidente
Desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira
1º Vice-Presidente
Desembargador Wellington Coimbra de Moura
2º Vice-Presidente
Desembargador José Laurindo de Souza Netto
Corregedor-Geral da Justiça
Desembargador José Augusto Gomes Aniceto
Corregedor da Justiça
Desembargador Luiz Cezar Nicolau
Ouvidora-Geral da Justiça
Desembargadora Ana Lúcia Lourenço
Conselho da Magistratura
Desembargador Antônio Loyola
Desembargador Francisco Rabello Filho
Desembargadora Joeci Machado Camargo
Desembargadora Lillian Romero
Em entrevista ao vivo ao jornal Gazeta do Povo, o Des. Adalberto Jorge Xisto Pereira reconheceu a celeridade de tramitação dos processos eletrônicos, afirmando que dentre suas prioridades está investir em tecnologia da informação e inteligência artificial, posto que são instrumentos que facilitam a prestação jurisdicional. Ressaltou também que a redistribuição equânime da força de trabalho entre os graus de jurisdição é uma de suas prioridades.
Indagado acerca da pretensão do Poder Executivo de excluir da base de cálculo do repasse os valores oriundos do Fundo de Participação dos Estados (FPE), Des. Xisto respondeu que irá conversar com o Governador do Estado, o Presidente e demais Deputados da Assembleia, para encontrar a melhor solução, pois essa parcela já faz parte há muitos anos do orçamento do tribunal, sendo aplicada em muitas políticas públicas do Poder Judiciário. Além disso, a manutenção do FPE se faz necessária para o cumprimento de diversas obrigações contratuais, atuais e futuras, bem como de outros compromissos, como os concursos públicos em andamento, tanto de servidores quanto de magistrados, e o atendimento à decisão liminar proferida no PP 0006315-78.2017.2.00.0000, em trâmite no CNJ, proposto pela ANJUD.
O Presidente eleito informou que ainda nesta terça-feira (13/11), se reunirá com o atual Presidente, Des. Renato Bettega, para iniciar o processo de transição e tomar pleno conhecimento das obras em execução, das políticas públicas iniciadas e das situações prementes de solução, como a questão da redistribuição da força de trabalho.

 

Eleição para a presidência do Tribunal de Justiça do Paraná: veja quem venceu a disputa

Publicado por Gazeta do Povo Política Paraná em Segunda, 12 de novembro de 2018

Compartilhar:

5 × um =